O que é site responsivo e qual a sua importância?

Site responsivo é aquele que se adapta e é acessível a qualquer tipo de dispositivo, como desktop ou mobile.

A tecnologia está sempre avançando e com isso, surgem novos dispositivos a todo momento. É aí que o design responsivo entra para mudar o jogo.

Se você nunca ouviu falar em site com site responsivo, não se preocupe, nós te explicamos: ele nada mais é do que uma página de internet adaptada para diferentes tipos, formatos e tamanhos de telas.

No caso das lojas online, por exemplo, ter um site responsivo vai muito além da simples adaptação das páginas à tela, mas principalmente, oferecer a melhor experiência ao usuário em diferentes contextos para, consequentemente, aumentar a taxa de conversão de vendas.

Quer entender o que é site responsivo, qual é a sua importância, como funciona e como criar um para o seu negócio? Continue a leitura para saber tudo!

O que é um site responsivo?

Como já citamos no início deste artigo, o site responsivo trata-se de um único site, com mesmo domínio, URLs, conteúdos e imagens, onde o design se altera conforme as configurações de tela do dispositivo.

Em outras palavras, é aquele site que, com o mesmo layout, consegue se ajustar perfeitamente a qualquer resolução de forma harmônica.

Ou seja, ele passa a mesma experiência de leitura ao usuário, independente do dispositivo pelo qual está sendo acessado.

Por que ter um design responsivo é importante?

Quando falamos de um site responsivo, o principal objetivo é fazer com que ele atenda às necessidades e seja acessado pelo maior número de usuários possível.

O cenário atual e os números mudaram e, com eles, o comportamento dos usuários. Para você ter uma ideia, atualmente, 80% de todo o tráfego da internet acontece por smartphones.

E mais, desde 2017, o tráfego mobile aumentou em 30,6%, enquanto os acessos em desktops caíram 3,3%.

Esses são alguns dos motivos que fazem toda a diferença em uma página. Os elementos textuais e visuais que a compõem precisam se adaptar, principalmente, às telas de celulares.

Mas isso não é tudo. Além disso, o conceito de design responsivo também pode ser estendido aos mecanismos de pesquisa, com a atualização do Google em 2018: o Google Mobile First Index.

A atualização mudou a maneira de classificar um site nas primeiras posições do buscador (que recebem 95% do tráfego web). Agora, ela não é mais voltada para o desktop, mas sim para os dispositivos móveis.

Desse modo, então, se você tem um site com design responsivo, a sua página tem mais chances de conseguir um bom ranqueamento no Google, tanto para mobile como para desktop.

Em contrapartida, se o seu site não tem uma versão responsiva, o seu posicionamento no ranking de pesquisas irá cair para ambos os formatos.

Em conclusão, é importante lembrar que 48% dos usuários de internet no Brasil têm entre 18 e 34 anos —  dado essencial se o seu produto ou serviço for voltado para um público mais jovem.

Vantagens de ter um site responsivo

Agora que você já sabe o que é um site responsivo, trouxemos alguns benefícios que você pode ter ao utilizar este recurso. Quer saber quais são eles? Vamos conhecê-los:

1. Ter apenas uma versão do seu site

Sim, ter um website responsivo significa que você só precisa criar uma versão do seu site.

Diferente do que muitas pessoas pensam: isso quer dizer que NÃO é preciso criar vários modelos de páginas para o seu endereço se adaptar a diferentes dispositivos móveis.

Além disso, uma única página na internet também melhora a otimização do site para ferramentas de busca (SEO — ou Search Engine Optimization), uma vez que os visitantes são direcionados para o mesmo site, independentemente de qual dispositivo estão acessando.

2. Aumentar as vendas

Ter um site responsivo em uma loja virtual é uma maneira de aumentar as suas vendas, por exemplo.

Isso porque, 86% dos consumidores brasileiros conectados à internet realizam, ao menos, uma compra durante um ano e, ainda, 67% desse total finalizam a compra pelo smartphone.

3. Melhorar a experiência do usuário 

Com uma única versão do seu site, também é possível ter um melhor gerenciamento da página.

Quando você for fazer uma atualização geral, por exemplo, só vai ser necessário realizá-la uma vez, e então, as mudanças serão replicadas automaticamente para todos os dispositivos.

Dessa forma, você consegue dedicar mais atenção a outros pontos necessários do seu website.

O público também pode acessar o site do seu negócio através das redes sociais para saber mais informações sobre a loja, ou ler um conteúdo completo.

Como ter um site responsivo?

O primeiro passo é entender que esta tarefa requer conhecimento técnico. Outra alternativa é contar com uma plataforma de e-commerce que já disponibiliza criar uma loja virtual, mesmo sem experiência em programação.

Para começar a ter um site responsivo, pense em:

  • Otimizar a velocidade do seu site;
  • Utilizar imagens flexíveis;
  • Realizar testes.

Dito isso, trouxemos algumas dicas que vão ajudar você no processo, sempre valorizando a experiência do usuário. Confira:

Aposte na simplicidade

Um layout simples tende a facilitar a adaptação para aparelhos.

Então, procure eliminar elementos que são dispensáveis e evite também interações complexas ou desnecessárias. Tudo isso atrapalha a responsividade e a experiência do usuário.

Otimize a experiência do usuário

Otimizar a experiência do usuário significa melhorar todos os elementos da navegação.

O visitante deve conseguir encontrar e realizar facilmente o que deseja.

Pense no contexto do usuário

Lembre-se que do outro lado da tela existe uma pessoa que tem diferentes comportamentos, quando usa o celular ou o computador.

Então, o desenvolvimento de um site responsivo considere o contexto do usuário para otimizar a experiência.

Com a nossa experiência e profissionais especializados, a Growsmart está pronta para te ajudar a transformar a sua loja física em uma loja virtual e a vender os seus produtos na internet
Entre em contato conosco e vamos, juntos, potencializar ainda mais os seus resultados!

1 comentário em “O que é site responsivo e qual a sua importância?”

  1. Pingback: O que é SEO: guia simples para o primeiro lugar no Google

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *